Amostradores da qualidade do ar

Conforme a Resolução nº491/2018, do CONAMA, são agora regulamentados no Brasil os seguintes poluentes atmosféricos:

 

1 – Material Particulado MP10: Partículas com diâmetro aerodinâmico equivalente de corte de 10 micrometros. Utiliza o Método do Amostrador de Grande Volume (AGV) acoplado a um separador inercial de partículas, ou equivalente. A ENERGÉTICA fabrica o AGV MP10, com cabeça de separação de fabricação própria.

 

2 – Material Particulado MP2,5: Partículas com diâmetro aerodinâmico equivalente de corte de 2,5 micrometros. Utiliza o Método do Amostrador de Grande Volume Acoplado a um Separador Inercial  de Partículas, ou equivalente. A ENERGÉTICA fabrica o AGV MP2,5, com cabeça de separação de fabricação própria.

 

3 – Partículas Totais em Suspensão (PTS): Partículas com diâmetro equivalente de corte de 50 micrometros. Utiliza o Método do Amostrador de Grande Volume (AGV), ou equivalente. A ENERGÉTICA fabrica o AGV PTS. Além do amostrador, o usuário do equipamento precisa adquirir calibrador e material de consumo.

 

4 – Dióxido de Enxofre (SO2): Utiliza o Método da Pararrosanilina, ou equivalente. A ENERGÉTICA fabrica um Amostrador de Pequeno Volume (APV), modelo TRIGÁS, capaz de coletar até três gases simultaneamente. Além do amostrador, o usuário precisará de calibradores, filtros, reagentes e vidraria para o laboratório.

 

5 – Dióxido de Nitrogênio (NO2): Utiliza o Método do Arsenito do Sódio, da US EPA, ou equivalente. Trata-se de um método por absorção química. Para sua coleta, pode-se utilizar o APV TRIGÁS, fabricado pela ENERGÉTICA. A ENERGÉTICA não fabrica o amostrador de referência (por quimiluminescência), mas representamos uma empresa, a Teledyne-API, que o fabrica. Além do amostrador, o usuário necessitará adquirir calibradores, filtros, reagentes e vidraria para o laboratório.

 

6 – Monóxido de Carbono (CO): Utiliza o Método de Infravermelho não Dispersivo. A ENERGÉTICA não fabrica equipamento para a coleta de CO; entretanto, representamos uma empresa, a Teledyne-API, que o fabrica. Para ver  mais detalhes, acessar a categoria Monitores Automáticos de Gases e Partículas.

 

7 – Ozônio (O3): Utiliza o Método da Quimiluminescência, ou equivalente. A ENERGÉTICA não fabrica equipamento para a coleta de O3; entretanto, representamos uma empresa, a Teledyne-API, que o fabrica. Para ver mais detalhes, acessar a categoria Monitores Automáticos de Gases e Partículas.

 

8 – Fumaça: Material em suspensão na forma de fumaça (FMC). Utiliza o Método da Refletância da Luz. A ENERGÉTICA fabrica um equipamento para a amostragem de fumaça, denominado OPS, que serve também para a amostragem simultânea de SO2  pelo Método do Peróxido de Hidrogênio. Além do amostraddor, o usuário necessitará adquirir um refletômetro, bem como caliabradores, filtros, reagentes e vidraria para o laboratório.

 

9 – Chumbo (Pb): Chumbo no material particulado em suspensão no ar ambiente. Utiliza-se para a amostragem o método Determinação da Concentração de Chumbo por Espectrometria de Absorção Atômica. A coleta é feita em filtro de fibra de vidro instalado num AGV PTS. Além do equipamento, o usuário necessitará adquirir calibrador, filtros especiais, penas e cartas gráficas, além de ter que contar com um laboratório analítico especializado.